Header Ads

Resenha "Proibido - Carlie Ferrer"


Bom dia, amores!

Ansiosos por mais uma resenha? Espero que sim, porque esse livro vai deixar todos hiper curiosos.

Mais uma dica de livro de autora nacional.

Resenha:

Julia, uma mulher nascida e criada no interior, sempre muito determinada, sincera aí extremo, aquela coisa de sem meias verdades realmente funciona aqui, melhor amiga de Diana, considerei Júlia uma amiga que no fundo foi fiel e bem leal (considerando a pessoa a quem ela estava sendo fiel).

Erick, um homem lindo, que estava acostumado a ser cobiçado por muitas mulheres, namorado de Diana, um homem  bem família, era o homem da casa (digamos assim), fazia de tudo para manter seu relacionamento com Diana (não que isso fosse muito fácil).

O livro começa narrando a chegada de Júlia a capital de Minas Gerais, ela está empolgada por poder conhecer além do interior onde vivia, além é claro de estar muito feliz por poder morar com sua melhor amiga de infância, a mulher que ela acreditou continuar ser a mesma pessoa, infelizmente nisso ela se enganou e muito.

A primeira desgraça que acontece é que, Diana, deveria ir buscá-la no aeroporto (o que fica claro que não aconteceu), basicamente sentiu se perdida e sozinha em uma cidade completamente diferente da sua, com um agito com o qual não estava acostumada, mas ela conseguiu chegar ao endereço que Diana havia lhe enviado, contudo, ao chegar ela se depara com uma baita festa rolando e ainda ver quem ela acreditava ser sua melhor amiga em uma situação comprometedora (e o pior? Não era nem com o namorado dela)

Ao voltar para onde a festa estava rolando à solta ela cruza com Erick que se mostra muito encantado com a melhor amiga de sua namorada, mas como nem tudo são rosas, pela cara de Julia ele percebe que Diana está fazendo besteira de novo, o que o deixa curioso para verificar o que a “novata” viu e ele sem dúvida fica revoltado por mais uma traição.

Após Júlia perceber que a Diana que um dia ela conheceu não existe mais, a preocupação a assola, afinal como uma pessoa poderia mudar tanto assim? Ela ainda amava a amiga e faria de tudo para protege-la, o que dificultava era que aparentemente Diana não queria abandonar tais comportamentos.

Depois de uns meses morando na capital e começando a se acostumar a vida agitada da amiga com quem dividia o apartamento, ela se depara com algo que ela não estava preparada para sentir, afinal quem em sã consciência se encanta com o ex namorado da melhor amiga? Contudo, ela se esforça para esquecer e ignorar os sentimentos que vão se expandindo, coisa que ela tentava todo custo evitar.

Mas parece que o sentimento é mútuo e Erick não está pronto para facilitar as coisas para Julia, o que será deles agora? Será que Júlia vai “trair” a melhor amiga? Será que Erick vai deixar Júlia pra lá? Como Diana vai reagir ao descobrir do sentimento de Júlia por Erick? 

A história promete altos e baixos, é uma história que você lê e pensa que vai ficar do lado da Diana, afinal ela foi a amiga traída, certo?  Mas com o desenrolar da história a gente percebe que às vezes a gente se engana muito e acredita nas pessoas que se fazem de vitima, entretanto, às vezes elas só interpretam um papel.

É um livrinho curto, mas muito interessante, fiquei a pensar como nos temos conceitos pre concebidos de que a pessoa traída é sempre a vítima, mas a gente pode se surpreender se prestar bastante atenção ao contexto, leitura bem leve, ansiosa para ler o segundo livro!

Espero que leiam!

Não esqueçam de me contar, nos comentários, o que acharam da resenha, espero imensamente que gostem!


Adquira já o seu: 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.